Validade e eficácia dos suplementos

/

Será que os teus suplementos têm a validade e eficácia que esperas?

Ou estás a pôr o teu dinheiro na fogueira?

Aprende a escolhê-los!

Validade e eficácia dos suplementos

Num artigo anterior, ensinámos-te a verificar a qualidade dos suplementos. Agora, mesmo que um suplemento seja de qualidade, queremos que saibas verificar se é válido e eficaz.

Validade e eficácia são dois conceitos diferentes: um produto pode ser válido e não ser eficaz e vice-versa.

A validade de um suplemento é verificada se o produto for relevante para o teu objetivo. Há suplementos que podem até ser eficazes, mas se tu pretendes aumentar a massa muscular e o produto faz bem ao couro cabeludo, what’s the point?!

A eficácia, como aponta o nome, pretende verificar se o produto é eficaz para o teu objetivo.

A inclusão da validade e eficácia no mesmo artigo deve-se ao facto de alguns suplementos tem nenhum ou pouco benefício tornando a sua compra desnecessária e outros têm efeito mas são irrelevantes para os teus objetivos.

Suplementos e escolha segura

Para saberes se todos os suplementos têm validade e eficácia, terias de estudar todos os produtos, saber as quantidades adequadas e que substâncias têm evidência científica de qualidade.

E para isso terias de tirar muitas horas do teu tempo a estudar! E o nosso objetivo é simplificar-te a vida.

Por isso, sugiro que utilizes ferramentas simples:

Em primeiro lugar, sugiro que acompanhes as nossas publicações: em cada uma, não só saberás a eficácia e qualidade dos suplementos como terás uma revisão científica e recomendações de utilização (ou de não utilização).

Depois, poderás aceder a fontes credíveis como o Examine.com, que é basicamente uma biblioteca científica da maioria dos suplementos existentes.

Além de ser de fácil acesso e uso, poderás ver recomendações de utilização, doses, compostos químicos, efeitos secundários, o impacto de cada um sobre diferentes objetivos, a magnitude do impacto e, tudo isto, com as referências bibliográficas de cada substância.

Além destas bíblias de informação, falta a recomendação de cautela perante novos suplementos (1) que prometem milagres:

O primeiro problema e o mais óbvio é a falta de suporte de literatura e evidência de novos suplementos. Desta forma, não só será um tiro no escuro nem terás as ferramentas para aferir a sua validade e eficácia.

Alguns podem ter alguma evidência mas esta é pobre como estudos em animais, in-vitro ou estudos de curta duração.

Para novos produtos sem suporte científico ou muito pouco, obviamente sugiro que não os compres. E mesmo que surja com algum suporte, eu esperaria por mais estudos de mais grupos de investigadores, permitindo haver um consenso ou um padrão de resultados.

Por vezes, achamos que surgiu a fórmula mágica para o teu objetivo. Mas lamento: ou é eficaz e traz efeitos secundários ou não irá mudar grande coisa no teu físico ou saúde.

Não te esqueças que a indústria de suplementos é um mercado agressivo onde o conflito de interesses e estudos fracos podem influenciar e deturpar estudos para lucrar mais.

Conclusão

Já deves ter percebido que nenhum suplemento, sem ser substâncias anabolizantes, irá impactar o teu corpo em grande escala.

É por isso que, ao darmos uma percentagem de importância, os suplementos surgem em último lugar com cerca de 5% ou menos.

Sem referir que, maioria das pessoas que os consomem, não necessitam deles. Necessitam de pôr as “mãos ao trabalho” e otimizar os pilares básicos: treino, alimentação e descanso.

Por isso, acompanha os nossos artigos para saberes que suplementos têm qualidade, os que são válidos e eficazes e os que não são.

Procede com cautela perante suplementos ou substâncias novas. Aguarda por um consenso científico ou, pelo menos, vários estudos para decidir se investes ou não.

Não tenhas pressa, nenhum suplemento por si só te vai tornar num bodybuilder de elite como prometem as propagandas. É verdade, nem mesmo aquele Tribulus Terrestris que prometia dar um boost na tua testosterona.

Ahh, o Tribulus… Nunca perde a piada.

Quebra os teus limites!

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *