Cacau Quente Prozis – Review Sincera

/

Cacau Quente Proteico da Prozis – Uma review e análise crítica sobre este suplemento proteico.
Desde o sabor e textura à qualidade nutricional e aplicabilidade na tua dieta.

Neste artigo irás encontrar uma análise imparcial deste suplemento. Tal como uma review dos sabores “clássico”, “avelã” e “caramelo salgado”

Vamos a isto!

O que é o Cacau Quente da Prozis?

O cacau quente proteico da Prozis é um suplemento de proteína (à base de whey) que procura simular um chocolate quente convencional.
Mas com um perfil nutricional muito mais apelativo ao atleta.

Podes encontrá-lo em embalagens de 400g e nos vários sabores:

  • Chocolate
  • Avelã
  • Caramelo Salgado
  • Coco
  • Bolacha
  • Chocolate Branco

Por embalagem encontras ~ 11 doses de pó para um cacau quente proteico com as quantidades de proteína ideais para uma refeição (> 20g em média)

Análise Nutricional

Para analisarmos este suplemento, vou compará-lo com uma Whey e com um achocolatado (ex: Nesquik).

Em termos nutricionais, é algo similar à Whey.

(O que não me surpreende, tendo em conta que a whey é o principal ingrediente compondo 81% deste suplemento).

No entanto (e como vais descobrir mais à frente): o delicioso sabor vem sempre com um custo nutricional.
O cacau quente não tem tanta proteína por 100g de pó como a whey concentrada (65g -vs- ~75g).
E “compensa-o” com mais hidratos e gorduras, vindos do cacau magro em pó (17% da composição deste suplemento)

Comparativamente a um achocolatado normal (ex: nesquik, ovomaltine, …): é algo totalmente diferente.
Estes achocolatados comuns são riquíssimos em hidratos e pobres em proteína.
E, aqui, tens o oposto.

Por isso:
Embora o cacau quente da Prozis não seja tão “proteico” ou tão “baixo em calorias” como uma whey…
Continua a ser uma ótima fonte de proteína.

A diferença é que traz umas 20-30kcal a mais do que uma whey concentrada para a mesma dose de proteína.

Se vale a pena?
Pelo sabor e textura?
Por mim, sim.

Mas poderá não ser a melhor escolha se estás apertado(a) com calorias numa fase de perda de peso.

Análise dos sabores

Até agora ainda só provei 3 dos 6 sabores disponíveis:

  • Clássico
  • Avelã
  • Caramelo Salgado

E posso dizer uma coisa:
O sabor é melhor do que qualquer outra whey que tenha provado.

Desde o sabor à textura.

Seja frio ou quente.

(O que não é de admirar tendo em conta que também levam um pouco mais açúcar e gordura!)

Em termos dos sabores em si:

O chocolate avelã é o meu preferido.
Com um toque ligeiro a avelã, quase como um Kinder Bueno.
E que, até agora, não me parece nada enjoativo.
Um 9/10.

O chocolate clássico é, tal como o nome indica, um sabor mais “clássico” ou “normal” de chocolate.
Um pouco menos doce que os restantes.
Mas, também, provavelmente o menos enjoativo.
Um 7.5/10.

O caramelo salgado é o mais doce de todos.
Com um sabor intenso, mas delicioso.
Mas, pessoalmente, achei que se pode tornar um pouco enjoativo se for algo que queiras beber todos os dias.
Por isso, não lhe dou mais do que 7.5/10.

Ainda assim, diria que todos estes sabores são melhores que os sabores de Chocolate Brownie e de Bolacha e Nata da Prozis – os meus preferidos na whey.

Se me pedisses para escolher um?
Sem sombra de dúvidas que seria o de Chocolate Avelã – quentinho e feito com leite.

Se escolhesse outro para ir variando os sabores?
Talvez o de Caramelo Salgado porque é super delicioso.
Mas só mesmo para ir variando os sabores, porque parece-me algo enjoativo.

Como fazer o cacau quente proteico?

Super simples!

A primeira pergunta é: queres em água ou no leite?

  • Em água fica menos calórico.
  • Mas em leite fica mais delicioso.

Escolhe 200ml e deita na tua caneca ou shaker.

A seguir: queres um cacau quente? Ou fresco?

Se quiseres fresco: mantém.
Se quiseres quente: aquece o leite ou água até uns 60-70° (45” no microondas a 750W, por exemplo)

A seguir: tira um scoop bem cheio (~35g de produto)
Despeja-o na tua caneca.
Mexe-o vigorosamente com um garfo (1 min).
E não entornes.
É um desperdício de sabor 😎

Depois?
Degusta e desfruta desse sabor anabólico.

Quando usar o Cacau Quente da Prozis?

Resumidamente: sempre que precisares de uma refeição proteica.

Ou seja: a cada 3 a 5 horas ao longo do teu dia.

Seja numa refeição pré ou pós-treino.

Seja numa ceia ou num snack.

Se tens uma boa distribuição das refeições ao longo do dia, podes usar este cacau quente quando utilizarias a tua whey ou outro batido ou iogurte proteico.

Pessoalmente, utilizo-a mais num contexto pós-treino ou snack quando preciso de proteína.

Mas não tens de te restringir a estes timings.

ONDE COMPRAR O CACAU QUENTE DA PROZIS?

Podes encontrar o Cacau Quente da Prozis neste link.

E o melhor?

É que podes usar o código BREAKING no check-out para teres desconto na tua encomenda e ganhares bónus exclusivos!

Cacau quente prozis - imagem ilustrativa
Usa o código BREAKING no check-out para teres desconto em toda a tua encomenda e ganhares bónus exclusivos!

CONCLUSÃO

O cacau quente da Prozis é (e digo-o de forma imparcial), uma das minhas proteínas preferidas.

Sim, acarreta alguns hidratos e gorduras a mais (20-30kcal a mais no total da dose).
Mas o sabor compensa.
Principalmente em fases onde tens mais calorias para comer!

Pessoalmente prefiro e recomendo o sabor a Chocolate Avelã, que se distingue como a minha whey preferida até à data.

Mas os sabores de Chocolate Clássico e de Caramelo Salgado também são bastante bons!

Se recomendo?
Se estás à procura de um snack ou ceia proteicos – sem sombra de dúvidas.

Se gostas de chocolate quente e queres uma opção mais interessante a nível nutricional? Sim.

Se queres um suplemento proteico mais saboroso do que a whey e tens calorias para gastar? Sim!

Se queres um suplemento proteico o mais isolado possível (mínimos açúcares e gorduras)? Não – aí recomendo uma isolada.

Se não ligas ao sabor da tua proteína? Não – aí recomendo uma whey concentrada ou isolada.

Bons treinos – e não te esqueças:

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *